Especial Copa: 5 pratos da Costa Rica

Já está mais do que na hora de abandonar o título de “zebra” atribuído a Seleção da Costa Rica quando foi selecionada para disputar uma vaga para as oitavas de final da Copa do Mundo FIFA no Brasil, por estar no “grupo da Morte” com outras três campeãs mundiais e cheias de tradição no futebol, Uruguai, Itália e Inglaterra.Pois a Costa Rica não só garantiu sua vaga para a próxima vaga do Mundial, como ficou em primeiro no grupo, desbancando todas as outras veteranas.
Já que conhecemos tão pouco a Costa Rica por causa de sua pouca tradição no futebol, e a sua história está começando a ser escrita agora, vamos também conhecer a sua tradição com alimentação, afinal, não tem melhor forma de conhecer um país do que por seus costumes, cultura e, claro, pelo que comem.
Saiba mais sobre a culinária costa-riquenha com os cinco pratos mais tradicionais do país:
Um fato muito interessante sobre a culinária da Costa Rica, é que o brasileiro se adaptaria rapidamente aos hábitos do país, pois a maioria dos pratos são compostos por arroz e feijão, seja misturado no prato, como costumamos fazer, seja separados compondo uma receita. Os mexicanos também se encontrariam na costa rica, pois há muitas massas de milho e temperos apimentados.
Rice and beans: 

Vamos começar com um prato então, que mistura a tradição no Brasil e no México, o Rice and Beans, foi levado a Costa Rica diretamente do Caribe, e adotado como uma comida típica de lá. É o tradicional arroz e feijão preto, só que misturados com molhos, principalmente o de mostarda com muitos temperos que o tornam ainda mais forte.  Depois é só escolher o acompanhamento, o preferido dos costa-riquenhos costuma ser carne de boi.
Natilla: 

É um tradicional recheio para pães ou até molho para carnes, que se pdoe comprar por supermecados no país. O sabo é azedo e a consistência lembra a da maionese.
Pejibaye: 

A peijibaye, ou pupunha, é muito importante também para a economia da Costa Rica, graças a produção e exportação que a fruta proporciona. É muito parecida com um pêssego com a cor amarela ou vermelha. Costuma ser consumido cru, pronto para consumi encontrado em barracas, ou cozido em água com sal.
Chancleta: 

Quem gosta daquela batata recheada, normalmente servida em restaurantes australianos, pode ter a chancleta como uma opção mais saudável. Na Costa Rica se utiliza um queijo com menos calorias e bastante legumes para rechear.
Casado: 

Voltando ao popular arroz e feijão, o Casado é parecido com nosso prato de cada dia, sempre com um acompanhamento, que costuma ser ensopado de chuchu, salada de repolho, banana da terra e carne de boi peixe ou frango. É um prato barato, por isso muito consumido.

Tags:

Deixe uma resposta